29/07/2006

VI Torneio do Guadiana

Tenho de admitir que não sei bem por onde começar...ainda estou incrédulo com as exibições que o Benfica realizou neste torneio. Começou por perder com uma equipa que tem menos 11 dias de preparação (mas que parecia que tinha mais), e acabou a perder com uma equipa que se apresentou com uma formação de jovens e reservas. O mais procupante nem são os resultados (humilhantes), o pior foram as exibições e a demontração que por mais que os treinadores mudem, há vicios que teimam em não desaparecer. Ninguém se desmarca para receber a bola, tudo é feito com uma lentidão desesperante, não há ideias, objectividade e humildade.

O primeiro jogo contra o Sporting parecia uma repetição do último encontro para o campeonato. O Benfica foi mais uma vez totalmente dominado por uma equipa teóricamente inferior, mas que teima em demontrar o contrário no relvado...e afinal, é neste que se ganham os jogos! A equipa foi completamente manietada pela pressão alta dos rivais, que mostraram mais entrosamento, querer e vontade.

O segundo jogo foi mais do mesmo. O Benfica entra no jogo praticamente a perder devido a mais uma acção sofrível de Moretto (até quando?), e esteve praticamente 90 minutos sem fazer rigorosamente nada para alterar o rumo dos acontecimentos. Faltou novamente fio-de-jogo, mas principalmente solidariedade entre os sectores.

POSITIVO DO TORNEIO:
- Nélson. Está claramente a subir de forma e foi dos poucos que se mostrou a um nível razoável no torneio.
- Manu. Correu, lutou e fez algumas boas jogadas . Penso que merece mais oportunidades.

NEGATIVO DO TORNEIO:
- Moretto. Mau de mais...se venderem Quim para ficar com este brasileiro, os sócios vão finalmente ter a confirmação de que há interesses extra-futebol a manter Moretto na baliza e na equipa.
- Paulo Jorge, Marcel, Beto e Manduca. Não são jogadores para o Benfica, não há volta a dar. Marcel é o caso mais estranho pois nota-se que tem algum potencial. Contudo, os penaltys que (não) marcou, dizem tudo relativamente á classe do jogador. Com a chegada de Fonseca perde definitivamente o lugar.
- Os dois jogos do Benfica foram confrangedores. No entanto, estas exibições podem servir para a equipa e o treinador abrirem a pestana...as camisolas não ganham os jogos sozinhas!
- Fernando Santos. Nesta altura da pre-época já era suposto a equipa ter assimilado as suas ideias. Isso não aconteceu, bem pelo contrário!

Na minha opinião, os benfiquistas têm razões para se mostrarem preocupados. Calhou-nos o Austria Viena no sorteio da pré-eliminatória da Champions League e o que poderia ser considerando como um bom resultado, poderá tornar-se numa humilhação caso o Benfica não consiga ultrapassar esta equipa. A jogar assim, esse desfecho nem seria muito chocante...
Frente ao AEK (1 de Agosto), a equipa tem a derradeira oportunidade para mostrar algo positivo e aumentar os seus níveis de confiança antes da primeira mão da pré-eliminatória. Não entrar na Champions League seria catastrófico para o clube...

3 Comentários:

goncalorocha disse...

Podias falar na preparaçao fisica do Benfica que esta nas maos de um puto com 29 anos sem provas dadas nem experiencia. E sendo este um cargo altamente especializado e de extrema importancia... N é por acaso q neste torneio, os jogadores do SLB estavam lentos, nao corriam o suficiente para estar a tempo e horas de receber a bola, perdiam todos os ressaltos e 2ªs bolas, etc etc etc.

Nuno disse...

Espero bem que na liga dos cogumelos e no campeonato não joguem assim senão tamos lixados com F grande.

Abraço

dR F. disse...

Pois, também fiquei com ideia que a equipa não está bem preparada. Provavelmente estão a puxar demais pelo físico dos jogadores nesta altura...não era a primeira vez!

Enviar um comentário

A probabilidade de um comentário ser apagado é directamente proporcional à estupidez contida no mesmo.